sábado, 3 de maio de 2014

Lojas de Friburgo, registram aumento na venda de aquecedores


Aquecedores (Foto: Reprodução/RPCTV)Aquecedores são os mais procurados para
espantar o frio (Foto: Reprodução/RPCTV)
Devido às baixas temperaturas, lojas de Nova Friburgo, na Região Serrana do Rio, já registram cerca de 30% de aumento, em relação ao mesmo período do ano passado, nas vendas de aquecedores. O preço desses aparelhos variam de R$ 99 até R$ 289. As lojas da cidade que, até pouco tempo, vendiam ventiladores, agora se preparam para a venda de aquecedores.
Existem dois modelos disponíveis no mercado: o aquecedor a óleo e o elétrico. Esse último é o mais popular em vendas, custando entre R$ 99 a R$ 189. Já os aquecedores a óleo são mais caros, com preço variando entre R$ 229 e R$ 289. Ambos fazem uso de energia elétrica, consomem em torno de 1,5 kilowatt por hora e são ideais para ambientes de até 25 metros quadrados.
Os friburguenses já estão acostumados com o uso de aquecedores em casa. Para os pais dos gêmeos Arthur e Lucas, de apenas cinco meses, Bárbara Jaccoud e Edson Barros, o aquecedor agora é indispensável. Eles compraram o aparelho para deixar a temperatura do quarto dos bebês mais amena e agradável, principalmente na hora de tirar a roupa para dar banho.
Com o uso de aquecedores, muita gente se preocupa com o aumento na conta de luz. Uma dica para  economizar sem abrir mão desse aparelho é comprar apenas os que sejam identificados com o selo Procel (Programa Nacional de Conservação de Energia Elétrica). Os produtos que apresentam notas A ou B consomem menos energia que as que indicam notas D ou E. “É muito bom ter aquecedor em casa e a conta de luz não vem tão cara assim”, disse o dono de farmácia, Cláudio Dias.